As sete ervas são conhecidas popularmente pelo seu poder de purificar o ambiente de energias negativas, além de protegê-lo e atrair bons fluídos. Os mais crédulos afirmam que quando alguma delas morre é sinal de que absorveram toda a carga negativa de seus donos.

Mas, mesmo para aqueles que não acreditam nessas teorias místicas, o cultivo das sete ervas pode trazer muitos benefícios. Assim como outros vegetais, essas plantas têm capacidade cientificamente comprovada de melhorar as condições do local. Tê-las por perto aumenta a qualidade de vida, já que elas favorecem a respiração e dão mais ânimo.

Conheça as sete ervas

Formadas por arruda, alecrim, espada-de-São-Jorge, pimenteira, guiné, comigo-ninguém-pode e manjericão, o cultivo das sete ervas é uma influência das crenças das regiões africanas, trazidas pelos escravos durante o colonialismo. Cada uma delas possuem capacidades diferentes que quando unidas formam um poderoso escudo.

Arruda

Considerada por muitos como uma erva mágica, a arruda é utilizada por religiões de diferentes culturas desde a Antiguidade. Além de ser uma planta medicinal e apreciada como tempero, a planta é muito utilizada para espantar a inveja e o mau-olhado.

Alecrim

O alecrim é uma das sete ervas mais indicadas para melhorar melhorar o astral do ambiente. A planta ajuda a purificar o local de maus fluídos e elevar a energia positiva, o que traz mais harmonia onde ela é cultivada.

Espada-de-São-Jorge

Símbolo da força, a espada-de-São-jorge é muito indicada para proteger os ambientes contra as energias negativas. A erva também ajuda a trabalhar a espiritualidade e elevar a energia.

Pimenteira

A pimenteira é uma das plantas mais fofas entre as sete ervas. Ela é famosa por afastar as energias negativas e pensamentos ruins.

Guiné

Indicada para promover uma limpeza enérgica dos ambiente em que é cultivada, a guiné filtra as energias negativas e as transforma em paz. Mas a planta também é muito conhecida por combater o mau-olhado.

Comigo-ninguém-pode

Dizem que a comigo-ninguém-pode é uma das mais poderosas entre as sete ervas para proteger o ambiente contra energias negativas. A planta é capaz de quebrar magias e feitiços. No entanto, ela é extremamente venenosa e deve ser disposta fora do alcance de crianças e bichinhos de estimação.

Manjericão

O poder do manjericão é proporcionar mais ânimo para desempenhar atividades diversas. A planta traz mais alegria e amor, além de ajudar a limpar o ambiente e dinamizar a energia. Tudo isso proporciona mais criatividade e aumenta a produtividade.

Como cultivar sete ervas

Para manter as suas sete ervas bonitas, saudáveis e vistosas, coloque-as em um local com boa ventilação e iluminação solar. As regas devem ser feitas sempre que o substrato estiver seco, o que pode variar de acordo com o clima. Evite o excesso de água, porque isso pode estimular o aparecimento de fungos que prejudicam as plantas. Faça pulverizações quinzenais com adubos foliares para mantê-las sempre verdes. Em caso de pragas, aplique produtos orgânicos de acordo com as instruções do fabricante.window.criteo_q = window.criteo_q || [];
window.criteo_q.push(
{ event: “setAccount”, account: 6541 },
{ event: “setCustomerId”, id: “” },