Jovem surta e sai sangrando com 2 facas nas mãos pelas ruas

Durante a crise, ele se dirigiu para perto de região de mata no bairro e não ameaçou ninguém, garante vizinho

Um surto psicótico fez com que um jovem precisasse ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros na manhã de domingo (13), no bairro Bom Retiro – região norte de Campo Grande. A PM (Polícia Militar) também foi chamada para apoiar a ação, mas não precisou agir. O caso chamou a atenção da vizinhança e assustou parte do bairro.

Tudo começou quando o rapaz, de 20 anos, pegou uma faca para cortar carnes na casa de sua irmã, onde mora, e cortou o pulso esquerdo. Depois, ele pegou outra faca, a colocou no pescoço, e ficou ameaçando se matar.

“Ele surtou ouvindo vozes”, frisa a irmã com quem mora, de 28 anos. Ela ainda explica que o irmão disse ter ouvido ela o xingando, porém, ela estava em silêncio e ele, diante da situação, ficou nervoso.

Surtos como esses eram comuns, explica outra irmã do rapaz, de 32 anos, e que também mora no Bom Retiro. “Ele é depressivo e antigamente surtava bastante, mas já tem 2 anos que isso não acontecia mais. Só que hoje ele está virado, três dias sem dormir, só bebendo”, revela a irmã mais velha.

Logo depois de surtar em casa, o jovem saiu pelo bairro com sa duas facas nas mãos, e sangrando. Quem chegasse perto dele ele ameaçava se matar, cortando o pescoço. A situação assustou muitas pessoas e chamou a atenção de curiosos.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e conseguiu fazer o resgate do jovem, o encaminhado para atendimento médico em unidade de saúde próxima. Durante quase todo o tempo em que foi atendido pelos bombeiros, ele pedia para não ser amarrado e frisava que não era preciso baterem nele – nenhuma das ações foram cogitadas.

Comentários

0 comentários