Gambá e coruja machucados são resgatados em Balneário Camboriú

O grupo de Proteção Ambiental, da guarda Municipal de Balneário Camboriú, fez dois resgates de animais no início desta semana. Um gambá bravo pra caramba foi encontrado em um hotel da praia do Estaleirinho. Já uma coruja ferida foi resgatada no bairro da Barra.

O gambá-de-orelha-branca estava preso em um compartimento de difícil acesso no salão de festas do hotel. Os guardas tiveram que quebrar um pequeno trecho de gesso, pra ter acesso ao animal e capturá-lo.

O bicho estava bravo, diante do estresse que viveu, e os guardas fizeram uma avaliação das condições de saúde e o levaram pra mata.

O gambá é de uma espécie achada na Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai e Uruguai. É um animal que vive em habitats distintos.

Asa machucada

Já coruja mocho-diabo estava em uma casa no bairro Barra. O dono encontrou a coruja machucada, sem conseguir voar, e chamou a guarda, que constatou que ela estava com uma das asas machucadas.

A coruja foi resgatada e levada ao complexo Ciro Gevaerd, o popular zoológico da Santur, onde foi avaliada e tratada. Ela passará pela reabilitação e depois será devolvida ao seu habitat natural.

A coruja mocho-diabo é grande e discreta. Ela é comum em grande parte da América do Sul e Central, habitando uma ampla variedade de habitats.

Comentários

0 comentários