Com aceleração da Covid-19, Santa Catarina deve habilitar leitos de UTI em sete cidades

Com aceleração da Covid-19, Santa Catarina deve habilitar leitos de UTI em sete cidades

O Governo de Santa Catarina conquistou a habilitação de 45 novos leitos de Terapia Intensiva nas cidades de Chapecó e Videira, após a publicação das portarias 3.137 e 3.124 do Ministério da Saúde, nesta semana. As UTIs para tratamento de adultos com Covid-19 também tiveram a prorrogação de habilitações nas cidades de Chapecó, Florianópolis, Joaçaba, Joinville, Lages e Xanxerê, conforme a Portaria 3.142, publicada nesta quinta-feira, 19.

 

O Hospital Salvatoriano Divino Salvador, em Videira, passa a contar com 10 novos leitos habilitados, enquanto que o Hospital Regional do Oeste, em Chapecó, fica com 35 unidades de terapia intensiva para pacientes com Covid-19. Também foi prorrogada a habilitação em 40 leitos de diversos municípios.

 

O Governo do Estado tem reforçado, nas últimas semanas, a necessidade dos hospitais estarem prontos para o aumento do número de casos, o que incidirá na necessidade de leitos UTI.

 

“Já documentamos aos hospitais um ofício para que se observe que nos próximos dias será perceptível o crescimento de pacientes nas nossas unidades, assim como apontamos a necessidade de fortalecer o número de profissionais, bem como os insumos, principalmente equipamentos de entubação”, ressaltou o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro.

 

Pandemia em Santa Catarina

 

O Governo do Estado relatou que há 317.502 pacientes com teste positivo para Covid-19, sendo que 290.537 estão recuperados e 23.530 continuam em acompanhamento. O dado foi divulgado nesta sexta-feira, 20. Desde o início da pandemia, 3.435 óbitos foram causados pelo coronavírus. Com isso, a taxa de letalidade é de 1,08%.

 

Há casos confirmados em todos os 295 municípios catarinenses, e há 238 com pelo menos um óbito. A estimativa do Governo do Estado é que 265 tenham casos ativos. O local com a maior quantidade de casos é Florianópolis, que contabiliza 28.016 casos. Em seguida, estão Joinville (27.399), Blumenau (18.368), São José (15.407), Palhoça (10.757), Criciúma (10.443), Balneário Camboriú (10.430), Itajaí (10.250), Chapecó (9.089) e Brusque (7.784).

 

A taxa de ocupação dos leitos de UTI pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina é de 78,5%. Isso significa que, dos 1.419 leitos existentes no estado, 305 estão vagos e 1.114 estão ocupados, sendo 441 por pacientes com confirmação ou suspeita de Covid-19.

Comentários

0 comentários