Candidato a prefeito morre após desmaiar em transmissão ao vivo

Candidato a prefeito morre após desmaiar em transmissão ao vivo

Paulo Sérgio Cyrillo, de 73 anos, era candidato ao cargo pelo Republicanos. Caso aconteceu na noite desta quarta-feira (11), durante uma entrevista para uma faculdade do município. O filho de Paulo Sérgio acompanhava a entrevista e se desesperou no momento em que o pai perdeu a consciência. Prefeitura decretou luto oficial de três dias.

Morreu nesta quarta-feira (11) o candidato a prefeito de Bom Jesus do Itabapoana, no Noroeste Fluminense, Paulo Sérgio Cyrillo, de 73 anos. O candidato pelo Republicanos estava participando de uma transmissão ao vivo quando se sentiu mal e foi socorrido pelo filho, Paulo Sérgio Cyrillo Junior, atual vice-prefeito de Bom Jesus, que acompanhava a entrevista e se desesperou ao ver o pai perdendo a consciência.

O candidato deixa a esposa, dois filhos e duas netas.

Paulo Sérgio Cyrillo participava de uma entrevista promovida pela 17ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Bom Jesus do Itabapoana e pela Faculdade Metropolitana São Carlos (Famesc). A live estava sendo transmitida pelo canal oficial da instituição de ensino.

O vídeo foi removido do canal pela instituição.

Paulo Sérgio chegou a ser levado para o Hospital São Vicente, mas já chegou à unidade sem vida. O corpo ainda está no local.

De acordo com familiares, Paulo Sérgio teria sofrido um infarto fulminante.

Paulo Sérgio chegou a divulgar sua participação na rodada de entrevistas das instituições em suas redes sociais na manhã desta quarta.

A Famesc divulgou nota de pesar pela morte do candidato.

“É com todo pesar que viemos trazer a triste notícia do falecimento do nosso querido Paulo Sergio Cyrillo. Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor. Muito respeitosamente, prestamos as nossas condolências e deixamos os nossos mais sinceros pêsames”, afirmou nota da Diretoria da Faculdade Metropolitana São Carlos, coordenação e professores da Famesc.

Fonte :

Comentários

0 comentários