Quem nunca sonhou em ter a própria hortinha e seus temperos favoritos cultivados em casa, tendo aquele sabor sempre à mão? Um bom jeito de começar esse projeto de uma horta particular é com uma pimenteira, pois ela ocupa pouco espaço e dá um toque charmoso ao ambiente, sem falar no sabor inconfundível, é claro.

É uma ótima ideia, não mesmo? Mas ter um pezinho de pimenta em casa exige alguns cuidados para que ela fique sempre bonita, dure mais tempo e esteja nas condições ideais para dar aquele toque todo especial à sua comida. Por isso, confira as dicas especiais que a Giuliana Flores preparou para você ter uma pimenteira sempre saudável.

Pimentas

Escolha um local iluminado

A primeira dica de ouro para você ter uma pimenteira sempre bonita e saudável em casa é ter cuidado no momento de escolher onde a plantinha vai ficar. Elas precisam receber pelos menos seis horas de sol por dia, por isso, o ideal é escolher um local arejado e que recebe bastante luz natural durante o dia.

Importante: Apesar de precisarem de luz natural, não é recomentando que elas fiquem expostas diretamente aos raios solares, principalmente entre as 12h e 16h, quando os raios são mais fortes.

A pimenteira precisa de uma rega constante

Para garantir o florescimento e a frutificação adequada da sua pimenteira, é necessário fazer a rega diária da plantinha, porém com cuidado para não deixar as folhas e o vaso encharcados, porque o excesso de água prejudica a saúde da planta com a proliferação de micro-organismos nocivos.

Outra dica importante é regar apenas o solo nos momentos mais frescos do dia, como o amanhecer e no final da tarde, isso já é suficiente para um bom crescimento da sua plantinha. E lembre-se, regar na quantidade e frequência correta, realça o ardido característico da pimenta, dando um sabor todo especial para o seu tempero.

Faça a adubação na medida correta

A pimenta é uma flor frágil, por isso é importante ter bastante atenção na quantidade de adubo utilizado, pois ela varia de acordo com cada fase de vida da plantinha. No momento de plantio, o recomendado é usar 30% de adubo orgânico (esterco de galinha, húmus de minhoca, composto orgânico ou esterco bovino curtido). Já durante a vida útil a adubação poder ser feita a cada 60 dias, reaplicando o produto.

Para lembrar: Utilize húmus de minhoca, esterco de galinha ou esterco bovino na quantidade indicada pelo fabricante para o tamanho do vaso para garantir a adubação correta.

A poda correta aumenta a vida útil da pimenta

Para manter a sua pimentinha saudável e bonita por mais tempo, é importante fazer a poda regular de galhos secos e folhas murchas. Podar com frequência contribui para que a planta canalize suas energias corretamente, crescendo e se desenvolvendo com mais saúde.

Mantenha sua pimenteira longe de pragas

As pimenteiras são frequentemente atacadas por pulgões, cochonilhas e tripés. Para mantê-los longe e deixar sua florzinha sempre saudável, você pode recorrer a alguns cuidados orgânicos. O recomendado é evitar encharcar o solo e mantê-lo coberto, fazer a rotação de plantio com diferentes espécies no mesmo ambiente, retirar as partes atacadas manualmente (caso o plantio seja pequeno) e utilizar produtos naturais para controle de insetos. Evite adubos químicos sintéticos, pois eles acabam atraindo mais pragas.

O que fazer no momento da colheita?

A melhor recompensa em cuidar direitinho da sua pimenteira é vê-las frutificar. Em geral, ela demora entre 50 e 55 dias após a floração para gerar frutos e estar apta para a colheita, podendo ter o seu desenvolvimento abreviado em regiões com temperatura mais elevada.

Uma dica para os floristas de primeira viagem é se atentarem à coloração da casca, pois quando ela estiver 80% vermelha, é sinal de que a sua plantinha está pronta para a colheita dos frutos. Dando aquele toque especial à sua refeição.