Homem tenta tirar RG e é preso por matar jovem com 27 facadas

Homem tenta tirar RG e é preso por matar jovem com 27 facadas

Marcelo Lima da Costa, 41, foi preso na manhã desta sexta-feira (09), em cumprimento a mandado de prisão preventiva pelo crime de homicídio.

De acordo com o titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), delegado Aldeney Goes, Marcelo é acusado de ter matado um adolescente de 16 anos, no ano de 2002, com cerca de 27 perfurações de arma branca. O crime foi cometido em uma via pública, no bairro Braga Mendes, zona norte da cidade.

Segundo Goes, após o fato, ele mudou de identidade e adotou o nome de Marcelo Fonseca de Lima, chegando a ir a um Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC), para tirar uma nova carteira de identidade.

“Durante o trâmite interno no Instituto de Identificação da Polícia Civil, a farsa foi descoberta. Em seguida, fomos comunicados e nesta sexta, no momento em que ele foi receber o novo Registro Geral (RG), recebeu voz de prisão e será conduzido para a cadeia onde aguardará decisão da Justiça Publica”, informou o titular.

Ainda com informações da autoridade policial, Marcelo preferiu se silenciar acerca do crime cometido. No entanto, acredita-se que ele mudou de identidade quando começou a ser procurado por policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), para não despertar suspeitas no local onde residia, atualmente, no bairro Educandos, zona sul da capital.

O mandado de prisão preventiva, foi expedido no dia 22 de novembro de 2019, pelo juiz George Hamilton Lins Barroso, da 1ª Vara Tribunal do Júri.

Marcelo responderá pelo crime de homicídio. Após os procedimentos cabíveis, ele será encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT) e ficará à disposição da Justiça.

A prisão ocorreu na Avenida Pedro Teixeira, bairro Dom Pedro, zona centro-oeste de Manaus.

Comentários

0 comentários