Quanto o Palmeiras perde com a saida de Vitor Hugo

Apesar de não ter desempenhado assim como na sua primeira passagem, Vitor Hugo pode fazer muita falta ao Palmeiras. Isso porque, diante da concretização da venda ao Trabzonspor, da Turquia, o elenco agora conta com apenas dois zagueiros, além dos titulares, com alguma experiência profissional.

 

Luan é o substituto imediato de Felipe Melo e Gustavo Gómez. Aliás, o defensor, que já entrou em campo pelo Verdão 102 vezes, sendo 89 delas como titular, deve ganhar mais uma oportunidade já nesta quarta-feira, contra o Botafogo, uma vez que o paraguaio defenderá a seleção do seu país nas eliminatórias da Copa do Mundo.

Caso a sequência de jogos culmine na indisposição física ou suspensão de pelo menos dois desses atletas, Vanderlei Luxemburgo ainda terá Emerson Santos à disposição. Porém, diferente de Vitor Hugo, que coleciona 161 partidas defendendo a camiseta do Palmeiras, o zagueiro de 25 anos foi titular em apenas uma das cinco oportunidades que recebeu.

Por último, mas não menos importante, o jovem Henri Santos pode ganhar uma oportunidade em uma temporada com o calendário achatado por conta da pandemia do novo coronavírus.

Capitão da Seleção Brasileira Sub-17, que conquistou a Copa do Mundo no ano passado, o jovem de apenas 18 anos foi promovido ao elenco profissional em julho deste ano. De contrato renovado até o final de 2025, o zagueiro pode aparecer em breve como novidade na zaga alviverde.

Diante do que foi apresentado, depreende-se que o Palmeiras tem opções no setor. No entanto, a falta de experiência pode ser fator determinante em uma partida decisiva da Libertadores, por exemplo.

Por mais que fosse a segunda opção no banco de reservas do Verdão, Vitor Hugo carrega a experiência da conquista de dois títulos de expressão nacional e, além disso, também se destaca pela solidez defensiva e ofensiva nas bolas áreas.

Fonte :
Verdão Web, Verdão Web, Verdão Web

Comentários

0 comentários