Luxa vê atuação convincente e cita casco duro : devem ficar bravo

Com uma goleada sobre o Bolívar, o Palmeiras garantiu a classificação às oitavas de final da Copa Libertadores na noite desta quarta-feira. Satisfeito com a atuação de sua equipe no Allianz Parque, o técnico Vanderlei Luxemburgo valorizou o trabalho desenvolvido desde o início da temporada e voltou a combater os críticos.

 

 

Em um primeiro tempo equilibrado, o Palmeiras abriu o placar por meio de Willian, mas Weverton também teve trabalho. Na etapa complementar, a equipe alviverde deslanchou e construiu a goleada com Wesley, Matias Viña, Raphael Veiga e Rony.

“Nós fizemos um grande jogo, uma atuação convincente, muito boa. A equipe se apesentou muito bem. Sabemos das coisas que estão acontecendo, as cobranças, mesmo a gente liderando a Copa Libertadores no geral. Mas as cobranças sempre existem. Acho, às vezes, um pouco exageradas”, disse Luxa.

Dono da melhor campanha na Copa Libertadores e quarto colocado no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras não perde há 19 jogos seguidos (nove vitórias e 10 empates). O time alviverde, no entanto, sofreu com falta de criatividade e teve desempenho abaixo do esperado em algumas partidas.

“Algumas pessoas realmente não gostam de mim. Então, quando têm uma chance, elas vêm de porrada. Acontece que o casco é duro e já está acostumado com pancada. Não me incomodo e continuo trabalhando. Mas eles devem ficar bravos pra cacet…. Quando ganho, devem falar: ‘Puta merd…! Esse cara ganhou e devia perder’”, disse Luxa.

 

Já classificado às oitavas de final da Copa Libertadores, o Palmeiras volta suas atenções novamente ao Campeonato Brasileiro. Pela 13ª rodada, às 19 horas (de Brasília) deste sábado, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo volta a campo para enfrentar o Ceará, no Allianz Parque.

Fonte :
Verdão Web, Verdão Web

Comentários

0 comentários