Diniz ‘desafia’ torcedor após empate contra o Inter: “O São Paulo só não foi efetivo”

O São Paulo até criou chances, demonstrou superioridade dentro de campo, mas acabou ficando apenas no empate contra o Internacional, no estádio Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro. O resultado foi ruim para ambas as equipes, que estacionaram na tabela de classificação e viram o Atlético-MG disparar na liderança.

Após a partida, o técnico Fernando Diniz falou em entrevista coletiva. Um dos principais temas foi o período em que o São Paulo teve um jogador a mais, já que o zagueiro Zé Gabriel, da equipe gaúcha, acabou sendo expulso. Para Diniz, faltou “apenas” efetividade para a vitória do Tricolor.

“O São Paulo só não foi efetivo, mas soube se aproveitar disso. Empurrou o Inter para trás. Para fazer o gol não necessariamente fica mais fácil com um a mais. A partir dali o Inter abdicou de atacar”, disse o treinador, que segue bastante pressionado pela torcida e foi criticado pela declaração.

Para o treinador, as derrotas contra equipes de menor expressão prejudicam o seu trabalho. “O que pressiona o São Paulo são as derrotas para o Binacional, na altitude, e principalmente para o Mirassol. As pressões são justas. O torcedor tem direito de ficar insatisfeito. Só vai terminar quando continuar jogando bem, como hoje, e ganhar”, encerrou.

Agora, o Tricolor volta o foco para a disputa da Libertadores, onde vai encarar fora de casa o River Plate e precisa de um resultado positivo para se manter vivo na competição.

Fonte :
Bola Vip

Comentários

0 comentários