Palmeiras x Flamengo: sindicato de funcionários de clubes entra com ação na Justiça pedindo adiamento do jogo

Palmeiras x Flamengo: sindicato de funcionários de clubes entra com ação na Justiça pedindo adiamento do jogo

O Sindeclubes, sindicato que representa funcionários de clubes do Rio de Janeiro, entrou com uma ação civil pública, na última sexta-feira, no Tribunal Regional do Trabalho, pedindo o adiamento do jogo entre Palmeiras e Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro, até que todos os empregados rubro-negros possam cumprir quarentena.

No documento, o sindicato alega que 21 profissionais estão escalados pelo clube para o jogo e vê “risco elevado de contágio”, uma vez que muitos deles estiveram no Equador, quando houve um surto de contaminação de coronavírus na delegação rubro-negra.

O Sindeclubes é presidido por José Pinheiro dos Santos, que é funcionário da segurança do Flamengo. Segundo ele, o pedido para que fosse feita a ação partiu de empregados rubro-negros, preocupados com a realização da partida.

Leia um trecho da ação:

“O referido surto de contaminação será mais bem detalhado na fundamentação da presente petição inicial, mas desde já pode-se concluir que vários profissionais foram – e estão – contaminados, em que pese não ser possível afirmar que tal contaminação se deu em tal viagem.

Tal circunstância evidencia que o vírus está potencialmente ativo dentre os empregados do departamento de futebol do Clube de Regatas do Flamengo, razão por que o Sindicato Autor entende que não existem as mínimas condições de, com segurança, haver a realização da partida do próximo domingo (27.09.2020), em virtude do elevado risco de contágio generalizado.

CBF e Flamengo são réus na ação

O Sindeclubes listou 21 funcionários do Flamengo que estavam inicialmente escalados para a partida – um deles, porém, é Matheus Grangeiro, analista de comunicação que foi demitido na sexta-feira. A ação cita como réus a CBF e o próprio Flamengo, na pessoa do vice-presidente jurídico Rodrigo Dunshee.

O Flamengo, inclusive, havia entrado com um pedido no STJD pedindo o adiamento da partida. Após negativa inicial, o clube solicitou a revisão da decisão, após mais três jogadores testaram positivo para Covid-19 na sexta-feira – aumentado a lista para 19 atletas contaminados.

Na CBF, o pedido feito pelo Flamengo também foi rejeitado.

Enquanto aguarda uma decisão, o Flamengo mantém programação normal. O elenco treinou na manhã deste sábado e tem viagem a São Paulo prevista para esta tarde.

Confira a relação completa de contaminados:

Jogadores

 

Noga
Pepê
Rodrigo Muniz
Gabriel Batista
Isla
Matheuzinho
Rodrigo Caio
Léo Pereira
Thuler
Gustavo Henrique
Renê
Filipe Luís
Willian Arão
Gomes
Diego
Everton Ribeiro
Vitinho
Bruno Henrique
Michael
Delegação

 

Rodolfo Landim (presidente)
Marcos Braz (vice de futebol)
BAP (vice de relações externas)
Domènec Torrent (treinador)
Marcio Tanure (médico)
Juan (diretor)
Marcio Santos (supervisor)
Eduardo Calçada (fisioterapeuta)
Douglas Oliveira (nutricionista)
Cadu Furtado (analista de desempenho)
Vinícius Castro (assessor de imprensa)
Marcelo Flaeschen (assessor de imprensa)
Alex Silva (enfermeiro)
Rodrigo Ernesto (Offside logística)
Edvard Souza (Offside logística)
Dekko Roisman (conselho do futebol)
Diogo Lemos (conselho do futebol)

Fonte :
Globo esporte

Comentários

0 comentários