Corinthians acerta a contratação de meia do Santos

Apesar da derrota pro Sport, Dyego Coelho segue em alta nos bastidores do Corinthians. Sua efetivação é vista com bons olhos para maioria dos diretores do Timão, que não pensam em contratar um substituto para Tiago Nunes tão cedo. Por falar em mercado, os representantes do Alvinegro Paulista também monitoram possíveis reforços. De acordo com informações do GloboEsporte.com, Diogo Victor, ex-Santos, acertou sua ida ao Time do Povo.

Em 2018, Diogo foi pego no exame antidoping por uma substância encontrada na cocaína. De lá pra cá, tentou dar a volta por cima com treinamentos intensos e uma severa mudança de postura. Inclusive, se destacou por perder cinco quilos em poucas semanas. Nos bastidores do Santos, sempre foi conhecido como um jogador indisciplinado, porém, essa “fama” mudou após sua dedicação na mudança do seu porte físico.

Diogo será integrado inicialmente ao elenco sub-23, para que aprimore o condicionamento físico e seja melhor avaliado. Caso agrade, pode ser promovido ao elenco principal com Coelho, que vem dando chances para garotos da base nos últimos jogos. Roni e Xavier, que de destacaram recentemente, são exemplos. No Santos, sempre foi tratado como grande promessa, tendo destaque maior no time B.

O Corinthians e os empresários de Diogo Vitor não confirmam a transferência, mas, de acordo com o GE, o contrato deve ser assinado nos próximos dias. O jogador é meia-atacante e também pode assumir um papel de armador. Sua qualidade técnica fez com que a gestão do Santos priorizasse sua renovação antes do episódio do doping. Diogo vinha ganhando sequência e chegou a ser inscrito na Libertadores, onde fez sua última partida, em abril de 2018.

Osmar Loss, coordenador da base do Timão, se empolgou com Diogo e espera contar com o atacante o mais rápido possível. Um dos jogos mais marcantes de sua carreira, aliás, foi justamente diante do Corinthians, quando marcou um gol e empatou o jogo nos últimos minutos. No final, o Timão acabou empatando com o rival da Baixada Santista em 1 a 1, em jogo válido pelo Campeonato Paulista de 2018. Em março deste ano, os diretores santistas rescindiram seu contrato por justa causa.

Fonte :
Globo Esporte

Comentários

0 comentários