Gabriel Menino aprova empate, partida mais difícil da Libertadores

Gabriel Menino ficou satisfeito com o empate obtido pelo Palmeiras, hoje (23), contra o Guaraní (PAR), no estádio Defensores del Chaco. Para o meio-campista convocado pela seleção brasileira, o Verdão fez seu jogo mais difícil na competição e conseguiu um bom resultado ao não perder fora de casa.

 

 

PUBLICIDADE

“Foi a partida mais difícil da Copa Libertadores, porque é um time forte e com muita velocidade. A gente trabalhou muito na semana para sair daqui classificados”, afirmou o camisa 25.

“O professor falou que não poderíamos perder, eles eram um time que melhorou muito depois da pandemia”, acrescentou.

Durante a entrevista, Menino chegou a comemorar a classificação antecipada para as oitavas de final, mas o Palmeiras só conseguiria o feito nesta noite caso vencesse. Com o resultado, o Verdão precisa de mais um ponto nas próximas duas rodadas da Libertadores.

 

Líder do Grupo B com dez pontos, o Palmeiras recebe o Bolívar (BOL), quarta que vem (30), às 19h15, no Allianz Parque. A equipe boliviana é a terceira na chave e está a seis pontos do Verdão.

Fonte :
Verdão Web, Verdão Web

Comentários

0 comentários