Palmeiras aceita ceder jogador ao Grêmio por Jean Pyerre, Renato se anima e Romildo indica possibilidade de negócio

Palmeiras aceita ceder jogador ao Grêmio por Jean Pyerre, Renato se anima e Romildo indica possibilidade de negócio

Jean Pyerre não vive um grande momento com a camisa do Grêmio, mas é inquestionável seu talento técnico. Até por isso, o Palmeiras, mesmo com tamanha dificuldade nas tratativas, não desiste do meio-campista e continua tentando achar uma solução para conseguir sucesso nas tratativas com a direção do Imortal. Há negociação em andamento entre as partes.

A novidade nesta possível transação foi passada nesta terça-feira (23), pelo jornalista Jorge Nicola: a direção palmeirense chegou a sugerir uma troca envolvendo atletas e, na lista, incluiria Rony, Scarpa e Diogo Barbosa em definitivo; a possibilidade animou o comandante Renato Portaluppi, que gostaria de ter mais opções nessas posições oferecidas.

No entanto, Nicola revelou que o presidente gremista, Romildo Bolzan Júnior, ainda continuou achando pouco para liberar Jean Pyerre. O colunista do blog Yahoo Esportes também noticiou que foi debatido internamente a chance de um quarto atleta ser colocado no negócio. Veiga ou Borja foram nomes falados. O mandatário do Imortal pediu para que os diretores alviverdes esperassem pelo resultado do Gre-Nal.

A reportagem do jornalista também destacou que Renato é o principal entusiasta por uma transferência do atleta gremista. O técnico não tem uma boa relação com o meia por entender que ele poderia ser mais comprometido dentro de campo. Assim, uma saída pode ser boa para todas as partidas envolvidas. Contudo, o Palmeiras mantém a cautela para não sofrer nenhum tipo de crítica por parte da torcida.

As últimas contratações feitas pelo clube paulista não foram muito aceitas pelos palmeirenses. O presidente Maurício Galiotte sabe que não tem mais margem para errar nos reforços ou tipos de negócios que sejam questionados. O jogador gremista tem aprovação de Vanderlei Luxemburgo.

Fonte :
Bola Vip

Comentários

0 comentários