Confira o estilo rural que está ganhando as metrópoles

A cultura country vem conquistando os brasileiros desde 1960

A cultura country vem conquistando os brasileiros desde 1960  

Engana-se quem pensa que a moda country está presente apenas no cotidiano rural. Jaqueta de couro, bota, camisa xadrez, chapéu, lenço e outros acessórios que normalmente vemos em leilões, provas equestres e eventos rurais, também são cada vez mais encontrados nas ruas de grandes cidades.

Conheça alguns dos acessórios e peças para montar um look com elementos do campo e estar bem vestida para qualquer ocasião:

Chapéus

Peça clássica e tradicional tanto para homens quanto para mulheres. Obrigatória em rodeios e exposições para proteger do sol e da chuva. Os chapéus combinam em situações rurais e urbanas, podendo ser usados na fazenda ou em looks mais despojados e até sociais. Também podem ser combinados com sapatilha, bota de cano alto ou curto.

Fivelas/Cinto

As fivelas e cintos são acessório que incrementam os looks e combinam para uso cotidiano no meio rural ou urbano, sendo tanto para uso em rodeios, casas de show ou passeios no interior. Eles também são super versáteis e vão bem com saias, vestidos e calças.

 

Botas de couro

Item tradicional para ambos os sexos do meio rural ou urbano. As botas podem compor um look mais elegante ou despojado, dependendo do estilo da peça e da ocasião. Combinam com calças, shorts, saias e vestidos.

Calças

Modelos em jeans são peças indispensáveis na produção de qualquer look country. Elas podem ser skinny ou no estilo mom jeans, que está super em alta, e vão bem com botas, saltos e sapatilhas.

Casacos

Peça clássica tanto para o ambiente rural quanto urbano. Pode ser utilizado em situações sociais ou cotidianas. Modelos de couro, jeans, com tachas e franjas também são muito procurados.


Lenços

Ótima opção para incrementar o look country, mas sem exageros. Uma dica para as mulheres é combinar o acessório com calça jeans, de couro ou de montaria. Já na parte de cima, opte por peças de tom neutro. Uma peça versátil que combina em diversas ocasiões podendo ser usados com botas, tênis ou sapato de salto alto.


Depois de montar um look country vale conhecer e entender mais sobre a cultura e tradição desse estilo.

História da Cultura Country

Originalmente da zona rural da região sul dos Estados Unidos, na década de 1920 a cultura country teve como principal propulsor o cantor Jimmy Rodgers, conhecido como o “Pai da Música Country”. Juntamente com a banda Carter Family, o cantor popularizou o ritmo nos EUA e incentivou o surgimento de novos artistas como Hank Willians, Willie Nelson e John Daver.

Já no Brasil, nos anos 60, o cantor Bob Nelson trouxe o estilo conhecido como Yodel, espécie de canto tirolês, e incorporou ao movimento country que ganhou força no país no final da década de 70. Com o passar do tempo, o território brasileiro adaptou as modas de viola caipira ao criar seu próprio estilo da cultura country: o sertanejo. Durante os anos 80 e 90 surgiu o sertanejo romântico e atualmente, o sertanejo universitário com maior participação de artistas femininas.

Moda Country

Além do estilo musical, o country valoriza bastante a forma como as pessoas se vestem. Alguns acessórios e roupas que fazem parte dos adeptos do country é resultado da adaptação do público para este meio, como por exemplo botas de couro, chapéu, lenço, fivela, cinto e espora foram tornando-se acessórios característicos dos fazendeiros e cidades do campo.

Entretanto, vale ressaltar que o country foi rapidamente incorporado no meio urbano. Como ponte de integração entre os dois meios, o ritmo musical ampliou este estilo para o país inteiro. Rodeios, casas de show e festivais sertanejos estão cada vez mais presentes e acessíveis para os habitantes das metrópoles e cidades ao redor. Camisas jeans, jaquetas de couro, camiseta pólo e também franja caíram no gosto dos adeptos ao country.

Segundo Cristina Moglia, dona da marca de roupa country La Campera, juntamente com Gilberto, explicou que eles trabalham com peças para o Brasil todo e que mesmo sendo peças com estilo do campo, são diferenciadas e podem ser usadas nas cidades grandes. “Vendemos muito para as regiões do Rio de Janeiro e de São Paulo, onde nosso produto é um diferencial, uma novidade nas cidades grandes”, mencionou Cristina.

Por Patrícia Haddad | Canal Rural