PF apreende 50 pastas de documentos no escritório do advogado de Lula

PF apreende 50 pastas de documentos no escritório do advogado de Lula

A Polícia Federal apreendeu 50 pastas no escritório de Cristiano Zanin na Operação E$quema S, deflagrada no dia 9 para aprofundar as investigações sobre desvios da Fecomércio do Rio.

Cristiano Zanin e seu sogro, Roberto Teixeira, compadre de Lula e que já esteve preso na Lava Jato, são investigados no âmbito do inquérito que apura recebimento de propinas por parte do Esquema S do Rio.

Parte do dinheiro teria sido usado para contratar lobistas capazes de ajudar Lula no STJ.

Ontem, o juiz federal Marcelo Bretas mandou bloquear as contas bancárias de Zanin e Teixeira.

Comentários

0 comentários