Empresa reproduz cabeça de Jair Bolsonaro e donos a fazem de bola de futebol

 

 

Um texto da jornalista Marília De Toledo Kodic, que circula nas redes sociais, lista 60 motivos que mostram que Jair Bolsonaro (PSL) não deve ser opção de escolha no segundo turno das eleições presidenciais.

“Eu fiz o levantamento com rigor jornalístico. Passei algumas madrugadas pesquisando tudo para te escrever. Tenho todas as fontes de todas as matérias, estudos, entrevistas e vídeos. Sei que está enorme, mas valeu a pena escrever, e espero que valha a pena ler – mesmo que seja aos poucos, mesmo que seja só passando o olho. Quis incluir tudo”, disse a jornalista em sua página no Facebook.

A empresa Gorila Company causou polêmica nas redes sociais na tarde deste domingo (13), após fabricar a cabeça degolada do presidente Jair Bolsonaro. A empresa pertence a Marcello Tamaro e Pedro Millas.

Com toda a polêmica acerca da falta de respeito de ambos, eles excluíram a publicação. Os perfis dos donos foram derrubados por eleitores do presidente, já o da loja foi privado. O site da empresa se encontra ‘em desenvolvimento’.

Eles pretendem postar um vídeo hoje (14) jogando bola com a cabeça de Bolsonaro.

“Segunda sai o vídeo que produzimos pela @gorilacompany em collab com a @indeclineofficial e @eugeniomerinoestudio onde reunimos a galera pra jogar um fut com a cabeça do merda do nosso presidente”, escreveu Tamaro em sua rede social, antes de ser tirada do ar.

Fonte :

Comentários

0 comentários