Globo dispensa Antonio Fagundes após 44 anos e emite nota

Muitos apostavam que Antonio Fagundes seria um daqueles atores indemissíveis da Globo. Isso por que o veterano não para de trabalhar e não costuma recusar convites, não passando mais de 2 ou 3 anos fora do ar como alguns dos seus colegas.

Mas aconteceu. O canal carioca anunciou nesta terça-feira, dia 15, que o protagonista de Velho Chico e O Rei do Gado não teve o seu vínculo de longa duração renovado. Mas o fato é que ele pode voltar à platinada em breve.

“A Globo está adotando novas dinâmicas de relação com seus talentos. Assim, o contrato com o Fagundes foi encerrado e devemos negociar o retorno dele para Pantanal”, diz a nota do canal, enviada à imprensa. O veterano deve dar vida ao personagem José Leôncio no remake da trama.

Ele estreou na Globo em 1976, na primeira versão de Saramandaia, quando deu vida a João Gibão, que tinha asas e voava pela cidade. Seu último trabalho foi como Alberto, em Bom Sucesso, que saiu do ar neste ano, antes da estreia de Salve-se Quem Puder.

PANTANAL ALÉM DE ANTONIO FAGUNDES:
Uma das maiores curiosidades a respeito da trama de 1990 é sobre a nova Juma, a protagonista. “Eu concordo com o que o [diretor] Ricardo Waddington disse no Fantástico. Seria legal eles testarem atrizes desconhecidas”, disse Cristiana Oliveira ao jornal O Globo.

Ela ainda conta que, se convidada, faria sim uma participação na novela. “Acho que essa é uma coisa delicada. É um novo projeto, uma outra época. É uma coisa que eles têm que decidir. Aceitaria fazer uma participação porque me sentiria muito lisonjeada”.

E seguiu: “Seria muito legal, mas sou a favor da liberdade de escolha. Não fico esperando nada. Claro que a Juma está muito linkada comigo até hoje. Seria besteira dizer que não. Mas eles é que têm que saber. Eu não crio expectativas em relação a nada”, declarou a morena, que fez trabalhos nos últimos anos na Record.

Comentários

0 comentários