Galiotte diz ter certeza de que Dudu volta, pede tempo a luxa e detalha finanças do Palmeiras

Enquanto a torcida do Palmeiras tenta superar a saída do ídolo Dudu, emprestado por um ano ao Al-Duhail, do Catar, com opção de compra após o fim do vínculo inicial, o presidente alviverde, Maurício Galiotte, admite que projeta o retorno do ex-camisa 7 já para 2021, assim que se encerrar o contrato de empréstimo.

 

Em entrevista ao Globo Esporte, Galiotte falou sobre a comemoração da conquista do Campeonato Paulista, quando apareceu em uma live com Dudu e afirmou que ano que vem o atacante volta ao Palmeiras. “Naquele momento, eu não sabia que estava sendo gravado e acabei falando até um palavrão brincando com o Dudu (risos). A saída dele foi uma coisa que não foi fácil para ninguém. Para nós, palmeirenses, para mim especificamente como presidente… eu tratei o assunto pessoalmente, conversei várias vezes com o Dudu, disse o quanto ele era importante para o nosso torcedor, para as crianças, para o nosso time e para o nosso grupo, como atleta e ídolo. Ele me passou esse desejo, esse momento sensível da carreira dele. Ele me disse: “Presidente, eu volto. Não precisa nem me dar um papel para assinar. Eu volto. O carinho que tenho pelo torcedor palmeirense, o carinho que tenho aqui, que me sinto em casa”. Ele disse dessa maneira”.

Galiotte reforçou que, apesar de desejar a volta de Dudu já para 2021, não é algo que depende somente dele ou do Palmeiras. “Existe possibilidade de voltar se não for comprado. É um desejo da minha parte e com certeza de todos os palmeirenses”, completou.

DINHEIRO DO EMPRÉSTIMO DE DUDU E SUBSTITUTO:
Questionado sobre a utilização dos 7 milhões de euros (cerca de R$ 43 milhões) que o Palmeiras recebeu pelo empréstimo de Dudu, Galiotte explicou que uma parte do valor foi utilizada para diminuir a dívida do clube com a patrocinadora Crefisa, que ajudou financeiramente na contratação do atacante.

“Com os recursos deste empréstimo, uma parte nós pagamos a Crefisa e outra parte está sendo utilizada para todas as necessidades que o clube tem. Departamento financeiro, administrativo, todas as pessoas que trabalham no dia a dia do clube canalizam a verba de acordo com as nossas necessidades. Provavelmente você vai me perguntar sobre novos recursos e contratações. O Palmeiras está no mercado de uma forma muito cautelosa, de forma muito pontual. Se tiver uma oportunidade que seja realmente algo plausível e possa fazer, vamos refletir para fazer. Mas é um ano atípico, de ajustes, que tem de ter muita cautela”, disse o mandatário.

Galiotte fala em ‘cautela’ ao ser perguntado sobre a possibilidade do Palmeiras buscar um substituto para Dudu. “Sempre que a gente pensa em Palmeiras, a gente pensa muito grande. A gente tem que estar buscando o máximo, tem que estar entre os melhores, ser protagonista. Sempre lembrando que neste ano é diferente. (…) Respondendo sua pergunta, vai depender muito da situação, das circunstâncias, mas é um ano atípico. Tem de tomar muito cuidado em cada passo que a gente dá”, completou.

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS:
Outro tema que ainda rende polêmica e é sempre discutido entre os torcedores nas redes sociais é o fato do Palmeiras não divulgar mais mensalmente o balanço financeiro. Galiotte explicou que não existe nenhuma ilegalidade na postura adotada pelo clube.

“O Palmeiras obedece todas as normas e regulamentos. A obrigação do clube é expor todo ano. É exatamente isso que o Palmeiras está fazendo. O que é obrigatório? Expor o balanço? Vamos fazer na data correta, da maneira correta, vamos cumprir a lei. Expor o balancete mensal ou semestral, depende muito de cada situação. Não é uma situação obrigatória. Se for analisar, o Palmeiras por muitos anos não fez isso, em algumas situações o Palmeiras fez. Vamos obedecer exatamente aquilo que é a lei. À luz da lei, vamos trabalhar. Votamos, as contas têm sido aprovadas no Conselho de Orientação e Fiscalização. Anualmente, apresentamos no Conselho Deliberativo. Uma vez as contas já deliberadas, a gente expõe publicamente. O que for obrigatório, o Palmeiras fará”, disse o mandatário.

Fonte :
Verdão Web, Verdão Web, Verdão Web

Comentários

0 comentários