“É minha primeira reprise que assisto. Estreou primeiro Fina Estampa e depois Totalmente Demais. Está sendo muito divertido, porque tem um distanciamento do tempo. Óbvio, que eu olho as cenas e falo: ‘como que eu fiz isso?’ Eu assistia quando estava no ar, mas faz 10 anos, estou com 33 anos e tinha 23 na época”, afirmou.

A atriz também disse que fazer uma reavaliação de seus trabalhos passados não é nada demais: “Mas é normal se autocriticar, porque a gente quer melhorar, evoluir artisticamente”.

Birolli está sem contrato com nenhuma emissora e aproveitou a entrevista para criticar o mercado atual na teledramaturgia. “Não estou contratada. “A gente tem um trabalho agora e depois quanto tempo a gente fica sem trabalhar para poder voltar novamente? Ainda mais hoje em dia. Às vezes já tem um trabalho gravado e nem pode gravar um outro. É uma complicação muito grande”, afirmou.