Ex-marido e mais dois são indiciados pela morte de mãe e filha no Maranhão

Os corpos das vítimas foram encontrados enrolados em lençol dentro de um carro na garagem  

Três suspeitos de planejar e assassinar mãe e filha foram indiciados no último fim de semana. De acordo com a delegada Viviane Fontenelle, responsável pelo caso, eles responderão pela acusação de duplo feminicídio.

Graça Maria Pereira de Oliveira, 57 anos e Talita de Oliveira Friseiro, 27 anos foram assassinadas no mês de junho, no bairro Quintas do Calhau, em São Luís.

Após investigações foi concluído que o ex-marido da empresária foi o mandante do crime. Além disso, contactou um mestre de obras que trabalhava próximo a casa das vítimas para realizar o crime. Já esse último, contactou um terceiro homem que realizou o assassinato.

Ainda de acordo com a delegada, os três suspeitos, que cumpriam prisão temporária, tiveram a prisão preventiva decretada e o inquérito segue em fase de conclusão.

Entenda o caso

Os corpos de Graça Maria Pereira de Oliveira, de 57 anos, e Talita de Oliveira Friseiro, de 27 anos, foram encontrados enrolados em um lençol dentro um veículo, na garagem da casa das vítimas, no dia 07 de junho.

O ex-marido da empresária é apontado como mandante do crime, foi preso em Imperatriz, interior do Maranhão. Os outros dois suspeitos do crime, apontados como intermediador e executor, foram presos em São Luís.

Um dos suspeitos era chefe da obra que estava sendo realizada ao lado da casa das vítimas e agiu como um intermediador entre o mandante, o ex-marido da empresária e o executor do crime.

O suspeito de executar o crime, foi encontrado graças a localização de um celular que havia sido roubado no dia do assassinato e vendido dias depois.

Fonte :

Comentários

0 comentários